17 de junho de 2012

Editora Landmark - Relançando seus títulos em exclusivas edições de luxo bilíngues, em capa dura e a preços acessíveis ao público-leitor.

A Editora Landmark é especializada em publicações de grandes clássicos da Literatura mundial em versões bilíngues. Entre todas as publicações, grandes autores internacionais tiveram suas obras lançadas no Brasil pela primeira vez em edições especiais.


Agora, após iniciar o lançamento das obras bilíngues e o resgate de obras esquecidas, inova mais uma vez, relançando seus títulos em exclusivas edições de luxo bilíngues, em capa dura e a preços acessíveis ao público-leitor.


Oscar Wilde, Jane Austen, Joseph Conrad, Anne, Charlotte e Emily Brontë, Dante Alighieri, William Shakespeare, Mary e Percy Shelley – estes são só alguns dos autores que a Editora Landmark publicou nos últimos anos e incrementou o mercado editorial com edições bilíngues.

As versões bilíngues dos clássicos geram, além de entretenimento e leitura de qualidade, a oportunidade de conferir o texto original e na íntegra escrito pelo autor e sua tradução numa mesma obra, um conjunto de textos que se complementam e proporcionam diferencial de mercado para as publicações e um novo tipo de interpretação e olhar aos leitores. Resultado: a formação de uma legião de fãs das obras completas, leitores exigentes que desejam ter acesso ao autor por inteiro, através de seu texto e sua tradução em língua portuguesa num mesmo livro.


O polêmico Oscar Wilde, representante máximo do Esteticismo, comparece com a publicação de suas peças teatrais completas em dois volumes (“Teatro Completo”), além da primeira versão de 1890 de “O Retrato de Dorian Gray” e a coletânea de seus contos, em “Contos Completos”.


Jane Austen, uma das mais importantes escritoras do romantismo inglês, tem as suas seis obras publicadas pela Editora Landmark: “Mansfield Park”, “Razão e Sensibilidade”, “A Abadia de Northanger”, “Emma”, “Persuasão” e “Orgulho e Preconceito”, sucesso de vendas que conta com a licença de imagem do filme lançado em 2005.


O casal Shelley, composto por Mary, autora também de Frankenstein, e seu marido, Percy, tem duas obras publicadas: o magnífico romance de ficção científica “O Último Homem”, de Mary Shelley e o polêmico “Uma Defesa da Poesia e Outros Ensaios”, de Percy Shelley, ambos inéditos no Brasil.


Outra referência da literatura mundial que está entre as publicações são as grandes obras-primas das irmãs Brontë. Emily, Charlotte e a caçula Anne Brontë compõem uma das mais famosas famílias literárias do mundo. “O Morro dos Ventos Uivantes”, de Emily Brontë, e a primeira obra considerada feminista da história, “A Moradora de Wildfell Hall”, de Anne Brontë, estão disponíveis ao público. “Jane Eyre”, de Charlotte Brontë, a obra-prima de uma das mais importantes escritoras do século 19, também faz parte do catálogo da Landmark.


Elizabeth Gaskell (“Norte e Sul”), Rudyard Kipling (“As Crônicas do Brasil”, “O Homem que queria ser Rei”), John Donne (“Meditações”), Henry James (“A Volta do Parafuso”), Joseph Conrad (“O Agente Secreto” e “O Coração das Trevas”), Charles Dickens (“Um Cântico de Natal”) e Robert Louis Stevenson (“O Estranho Caso do Doutor Jekyll e do Senhor Hyde”) também fazem parte do time.


Em sua nova fase, a Editora Landmark está relançando seus títulos, já publicados, em exclusivas edições de luxo bilíngues em capa dura e a preços acessíveis ao público-leitor. “Persuasão”, “Orgulho e Preconceito”, “O Retrato de Dorian Gray” e “O Morro dos Ventos Uivantes” são os primeiros títulos relançados.


“Bel-Ami”, de Guy de Maupassant, cuja versão cinematográfica estrelada por Robert Pattinson chega aos cinemas em 2012, já foi lançado com grande sucesso de vendas, como o primeiro lançamento da nova coleção em capa dura da Editora Landmark.


Novos títulos e escritores estarão sendo lançados também neste novo formato: “O Grande Gatsby”, de F. Scott Fitzgerald, “Moby Dick”, de Herman Melville, estão previstos para lançamento no segundo semestre de 2012.


“Grandes Esperanças”, de Charles Dickens, em comemoração ao bicentenário de seu nascimento e “Drácula”, de Bram Stoker, no centenário de sua morte (com a publicação do primeiro capítulo introdutório, retirado da edição original), serão publicados também em 2012 pela Editora Landmark.


O compromisso da Editora Landmark tem sido o de incentivar a cultura por meio de obras imortais em edições diferenciadas que há mais de um século conquistam leitores por todo o mundo.

                                   Catálogo      






Nenhum comentário :

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...